Lifestyle, Reflexões
Comentários 14

Ódio gera ódio: Como se expressar diante do que não se gosta?

Raiva, ódio

Por que gastamos tanta energia com coisas que nos irritam? Quer ser mais feliz descobrindo como agir quando ver algo que te indigna? Vem conferir a di-kah desse artigo e seja mais positivo em suas palavras e atitudes!

Recentemente estamos vivendo a polêmica da empresa OMO que supostamente estaria “apoiando/defendendo” a ideologia de gênero.

Não é a primeira vez que acontece algo do tipo e as pessoas correm para as redes sociais e manifestam-se negativamente sobre o assunto e começa uma briga sem fim. E como todas as brigas, já surgem assuntos nada a ver e tudo vira esquerda x direita.

As redes sociais estão virando campos de batalha onde as pessoas estão cada vez mais focadas em disseminar o ódio.

Isso me levou a refletir sobre o porquê as pessoas se concentram tanto nas coisas que elas não gostam. Quer dizer, eu tento ficar o mais longe possível de assuntos que me irritam. E um deles é política. É extremamente difícil falar sobre política hoje em dia porque tudo vira guerra, tudo vira xingamento e ninguém se respeita.

knights-2666493_1920

De volta aos tempos medievais.

Não existem debates, é guerra mesmo.

Se você achou o posicionamento da empresa de mau gosto e começou a “gostar menos” da marca, ótimo, é sua opinião, pare de comprar os produtos e escolha outro fabricante! E goste desse fabricante! E fique feliz com isso. Não fique com raiva da OMO, raiva é uma coisa tão horrorosa e na maioria das vezes só faz mal a você mesmo. E dá rugas, e como sou pobre não tenho dinheiro para plásticas depois.

O que eu quero dizer é que sempre existe um jeito melhor do que simplesmente disseminar o ódio por alguma coisa. Não seja contra a guerra, seja a favor da paz. Madre Teresa já aplicava essa filosofia e era por isso que ela não ia a manifestações contra guerra, dizia que se a convidassem para uma caminhada pela paz ela iria.

Caso você agora adote o boicote a OMO (porque isso é um direito seu) pare de comprar os produtos e escolha outra marca, e seja a favor dessa marca. O problema não é o ato de boicotar, o problema é o ato de aumentar a bola de neve, de ódio, que está se espalhando cada dia mais pelo mundo.

Então eu não acho que boicotar seja a melhor solução, não boicote algo, promova o oposto. Para mim soa muito melhor algo como “compre ipê” do que “não compre OMO”.

Não estou aqui para defender a OMO, ou promover a IPÊ ou qualquer outra marca, estou aqui para dizer que quando você odeia algo e fala disso com raiva, toda essa raiva vai voltar para você de alguma maneira, e ainda por cima irá promover a marca de certa forma. Você acha que está protestando contra algo, mas na verdade você está protestando contra seu próprio bem-estar.

Tudo o que começa negativamente não pode terminar em algo bom.

Temos que policiar nossos lábios e tentar ser mais positivos no dia a dia. E essa coisa das empresas, todos adoram criticar marcas e fazer boicotes e tal, mas eu vejo pouquíssimas pessoas dedicarem um tempinho para elogiar, para falar bem de algum produto que gostaram. E gente, essas empresas não produzem coisas que fazem nossas vidas mais fáceis?

Uma vez enviei um e-mail para O Boticário, apenas para elogiar um desodorante em creme sem cheiro que eles fabricavam, e que eu comprava direto, adorava, porém fazia tempo que não encontrava nas lojas e então aproveitei para perguntar por que não estavam mais produzindo. Eu gastei apenas uns 2 minutos para redigir esse e-mail e enviar, e prontamente eles me responderam e foram super gentis agradecendo o meu contato e a minha preferência, e explicando que estavam trocando a embalagem do produto, por isso não estava disponível.

Gastamos muito tempo fazendo textões nas redes sociais criticando as empresas e os serviços prestados, porém não queremos “perder tempo” elogiando um bom atendimento ou um excelente produto.

Estamos propensos a espalhar negatividade, mas por quê? É muito mais agradável espalhar positividade! É muito melhor elogiar do que criticar.

Você não prefere receber um elogio ao invés de uma crítica?

Da próxima vez que receber um bom atendimento ou que usar um produto que faça o seu dia mais fácil ou mais feliz, elogie. O mundo está cheio de críticas e se queremos melhorá-lo devemos começar a elogiar os pontos positivos ao invés de focar na negatividade.

E quando ver algo que não gostar, pense duas vezes se vale a pena entrar na discussão, ou pense no modo como você vai entrar na discussão.

O mundo está muito chato porque as pessoas perderam a noção de como se comunicar umas com as outras. Se alguém pensar diferente já é jogado para fora do “círculo de confiança”. Liberdade de expressão virou: liberdade de expressão desde que eu concorde com o que você quer expressar.

Sejamos mais tolerantes uns com os outros para que possamos receber tolerância em troca.

O mundo está cheio de negativismo, tente deixar algo positivo por onde passar.

14 comentários

  1. Pingback: Como você se vê daqui a cinco anos? | Diários da Kah

  2. Pingback: Como superar perdas | Diários da Kah

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s